quarta-feira, 4 de novembro de 2015

04/11/2015 16h55 - Atualizado em 04/11/2015 17h43

Inter e agentes de Thiago Heleno têm contato e encaminham acerto

Falta acertar se o defensor virá por empréstimo ou em definitivo. Negociação depende do clube Maldonado, do Uruguai, que tem vínculo com zagueiro até 2017

Por Porto Alegre
Thiago Heleno Figueirense (Foto: Luiz Henrique/Figueirense FC)Thiago Heleno tem contrato com Figueirense até o final do ano (Foto: Luiz Henrique/Figueirense FC)
O Inter está perto do acerto com o primeiro reforço para 2016. Ainda que a direção só vá anunciar a contratação após o término do Brasileirão, Thiago Heleno deverá ser mais uma opção para a zaga na próxima temporada.
O defensor de 27 anos tem contrato até o final do ano com o Figueirense. Porém, seus direitos estão vinculados com o Deportivo Maldonado, do Uruguai, com quem tem seus direitos federativos, até meados de 2017. 
As duas partes já abriram tratativas. O empresário Artur Lacerda, que intermedeia as negociações, afirmou que é do interesse do jogador atuar no Beira-Rio e reencontrar Argel, que foi seu técnico no Figueirense.
-  Estamos otimistas com a possibilidade da negociação, visto que o atleta tem boas lembranças do trabalho com o Argel e boa relação com o treinador. Não vejo empecilho, é questão de acerto (com o Maldonado) – conta, ao GloboEsporte.com.
LEIA MAIS:
> Inter tenta contratar Carlos Sánchez, do River
> Inter blinda vestiário e muda protocolo de entrevistas

Aos 27 anos, Thiago Heleno tem 1m87cm de altura. Tem como características a imposição física e a boa bola aérea. Em 2014, disputou 48 partidas pelo clube catarinense e anotou cinco gols. Neste ano, marcou uma vez em 39 jogos.     
Na atual defesa colorada, Paulão e Réver se tornaram titulares, com Ernando improvisado na lateral esquerda. Com contrato até o final do ano, Juan tem a situação indefinida para o futuro, assim como Rodrigo Moledo, que ainda não atuou pela equipe principal e tem cláusula de renovação automática. Alan Costa e Eduardo são as outras opções.   

Nenhum comentário: