segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

 - Atualizado em 

D'Ale aposta em sucesso de Abel em 2014  e promete 'luta e vontade' 

Capitão do Inter ainda elogiou as contratações de Dida e Wellington Paulista e celebrou o retorno do Beira-Rio

Por Porto Alegre
9 comentários
D'Alessandro, meia do Inter (Foto: Alexandre Lops / Inter, DVG)D'Alessandro garante foco total no Inter em
2014 (Foto: Alexandre Lops / Inter, DVG)
Por onde passou, Abel Braga se deu bem com os grupos de jogadores que dirigiu. E, antes mesmo de ter seu primeiro contato com os comandados no retorno ao Inter, o treinador já ganhou D’Alessandro. O capitão do Inter aposta no sucesso do chefe e promete dedicação total para ajudá-lo em 2014.
O camisa 10 falou ao seu site antes do término do ano. Em 2013, apesar de ter conquistado apenas o Gauchão, teve um ano individual importante, sendo o jogador que mais entrou em campo (59 partidas), o artilheiro (20 gols) e o principal “garçom” (14 assistências). Muito também pela parceria firmada com Dunga, técnico até outubro. E, no que depender das primeiras palavras de D’Ale sobre o novo treinador, a história tem tudo para se repetir. A história criada pelo campeão da Libertadores e do Mundial de 2006 no Beira-Rio mereceu a atenção do gringo, que garante que muito esforço para buscar os objetivos propostos:
- É um treinador que ganhou tudo. Não tem nem o que falar da sua qualidade como profissional. O Abel é um grande técnico e tem uma identificação enorme com o Inter, isso ajuda por saber como é o clube. Acompanhei o que já falou em entrevistas e penso que será muito importante para o nosso trabalho. Estarei pronto para dar todo o suporte que precisar. Não faltará luta e vontade de ganhar em nenhum momento, como sempre busquei na minha carreira.
D’Alessandro, que chegou a deixar uma dúvida se seguiria no Inter para 2014, mas acabou com qualquer tipo de dúvida na última semana, parece mesmo focado em ajudar a equipe a buscar os títulos. A preocupação com o grupo segue inalterada mesmo no período de férias. Principal líder do vestiário colorado, enalteceu o trabalho da direção na busca de reforços e as chegadas de Dida e Wellington Paulista:
– Temos todas as condições de fazer um ano bem melhor. Vamos ter de volta o fator local, contar novamente com o Beira-Rio, e isso fará uma diferença positiva. A direção está trabalhando para que o grupo possa dar a melhor resposta. Já foram contratados atletas experientes e que passaram por muitas coisas na carreira, que reforçam nosso elenco. Acho que podem nos ajudar bastante, e o torcedor tem que estar do nosso lado.
O reencontro com o Beira-Rio, após um ano afastado, também não foi esquecido. Em 2014, a casa colorada, que passa por reformas para sediar a Copa do Mundo, voltará a receber as partidas do clube. Para o armador, que acompanhou as mudanças enquanto treinava no Centro de Treinamentos do Parque Gigante, aposta em um momento único, com a torcida podendo fazer ainda mais diferença pela proximidade:
– Será muito especial. Treinamos na frente do estádio e vemos muita coisa acontecendo no lado de fora. É impressionante como mudou e como está bonito. Visitei-o uma vez na parte interna. O torcedor ficará mais perto do campo, o que ajuda e nos dá um suporte ainda maior. Outra coisa boa é que a nossa torcida manterá a mesma rotina para ir ao Beira-Rio, fazendo o mesmo caminho de sempre, encontrando os amigos onde sempre encontrou... Tudo segue igual, o estádio está ali, onde sempre foi. Tomara que a gente seja muito feliz na nossa “nova casa” a partir deste novo ano.
O colorado espera que a parceria D’Alessandro – Abel – Inter dê certo em 2014. A partir de 8 de janeiro, quando o grupo se reapresenta, a tarefa começará a ser executada.

Nenhum comentário: