segunda-feira, 7 de outubro de 2013

07/10/2013 - Atualizado em 07/10/2013 

Fifa faz vistoria e elogia andamento das obras para Copa em Porto Alegre

Secretário-geral fez visita a obras de mobilidade e do Estádio Beira-Rio.
Comitiva da Fifa visitou o gramado para acompanhamento das obras.

Márcio Luiz Do G1 RS
7 comentários
Fifa faz nova vistoria no estádio Beira-Rio (Foto: Márcio Luiz/G1)Fifa fez nova vistoria no Estádio Beira-Rio e elogiou acessibilidade ao local dos jogos na Copa de 2014
(Foto: Márcio Luiz/G1)
O secretário geral da Fifa, Jérôme Valcke, voltou a Porto Alegre para fazer mais uma vistoria nas obras para a Copa do Mundo de 2014. Acompanhado dos ex-jogadores Ronaldo e Bebeto, membros do Conselho de Administração do Comitê Organizador Local (COL), e do ministro do Esporte, Aldo Rebelo, Valcke elogiou muito o andamento dos trabalhos na capital gaúcha.
A situação do Aeroporto Salgado Filho, que seguidamente tem o funcionamento prejudicado devido às condições climáticas, não preocupa a entidade que controla o futebol mundial: "Tenho certeza que Porto Alegre tem todos os sistemas técnicos necessários para permitir pousos em situações complicadas. E se houver dias complicados, lembro que as seleções não vêm no dia do jogo, e sim dois dias antes", diz Jérôme Valcke a respeito dos problemas com a neblina no aeroporto da capital gaúcha..
Jérôme Valcke também fez elogios a parte de acessibilidade encontrada na cidade sede no Rio Grande do Sul. " Acabamos de chegar ao Brasil e a primeira cidade é Porto Alegre. Não existe preocupação quanto ao estádio e existe muito espaço ao redor dele. O que está sendo feito será usado pelo Internacional. É um estádio de acesso fácil. Vimos vários modos de acesso e vai fazer parte do legado para a cidade, que é especial. É dividida por dois clubes e sabemos que apoia a Copa em um nível mais alto. Precisamos ver com o governo para ver o que fazer para fomentar o desenvolvimento do futebol.  É o projeto mais importante para a Fifa, por isso estamos aqui. Temos o sorteio dentro de dois meses e estamos na reta final. O período até a Copa deve ser usado para trabalhar".
Operários do Beira-Rio ganharam ingressos para os jogos da Copa do Mundo (Foto: Marcio Luiz/G1)Operários do Beira-Rio ganharam ingressos para
os jogos da Copa do Mundo (Foto: Marcio Luiz/G1)
Em setembro, o Beira-Rio começou a instalação das primeiras cadeiras - foram 500 - e a marcação das linhas do gramado, que está com ótima aparência. A obra de Porto Alegre chegou a 83% de conclusão e ganhou os primeiros refletores que iluminarão o estádio. Perguntado quanto as constantes manifestações que aconteceram na Copa das Confederações, Valcke não se mostrou preocupado e pediu apoio ao povo brasileiro.
"Talvez seja mais uma preocupação  dos candidatos (políticos). A Copa do Mundo será imperdível e um grande evento. A última vez que a Copa foi jogada aqui foi em 1950. Faço votos para que se tenha um grande apoio", concluiu.
Giovani Luigi, presidente do Internacional, agradeceu os elogios do secretário-geral da Fifa e reafirmou que o estádio será entregue em dezembro, que é o prazo dado pela entidade. Segundo ele, a cobertura ficará pronta no fim do próximo mês.
Viaduto Pinheiro Borba está sendo erguido perto do Beira-Rio (Foto: Marcio Luiz/G1)Viaduto Pinheiro Borba está sendo erguido perto
do Beira-Rio (Foto: Marcio Luiz/G1)
"Para nós é uma alegria muito grande onde as obras estão com quase 90% da conclusão. É um estádio que continuará sendo do nosso clube e deixará um legado padrão Fifa. Com relação a cobertura, ela está dentro do prazo. Toda a questão da membrada já foi bancada e deve chegar nos próximos dias. Até o dia 30 de novembro teremos a cobertura pronta".
Antes de chegar ao Beira-Rio, a comitiva passou por uma das obras de mobilidade da cidade de Porto Alegre, que é o viaduto Pinheiro Borba. Já no estádio, dois operários ganharam ingressos simbólicos no centro do gramado.

Nenhum comentário: