sexta-feira, 20 de setembro de 2013

 - Atualizado em 

Alex quebra silêncio no Inter em volta 'desconfortável' a Porto Alegre

Meia foi o único jogador a falar no aeroporto após derrota para o Bahia. Diretor de futebol justifica postura dos atletas: 'Estão desconfortáveis'

Por Porto Alegre
36 comentários
Com fones de ouvido e sinais negativos, os atletas do Inter se fecharam no desembarque em Porto Alegre na tarde chuvosa desta sexta-feira, após a derrota para o Bahia, em Salvador, na quinta. Caras fechadas. Bocas fechadas. Apenas Alex concedeu entrevistas, depois de uma viagem "desconfortável", na visão da direção colorada.

Enquanto Alex falava, a assessoria de imprensa pediu para os quatro seguranças presentes retirarem o meia. O meia acabou puxado pelo braço da coletiva improvisada no saguão do aeroporto, mas seguiu falando até a porta.
- Eu não ouvi falar de proibição, eu falo normalmente - disse, para depois repetir a sua análise sobre o momento irregular do time: - Temos que ter uma atenção maior nos 90 minutos.
alex meia inter internacional desembarque chegada aeroporto porto alegre (Foto: Diego Guichard/Globoesporte.com)Alex é retirado por segurança, mas segue em entrevista (Foto: Diego Guichard/Globoesporte.com)
O diretor de futebol Luís César Souto de Moura também afirmou inexistir orientação para que os atletas ficassem calados. Justificou o silêncio pelo desconforto com o revés.
- Eles (jogadores) estão absolutamente desconfortáveis com o resultado. É natural não falar. Não houve orientação da diretoria para não falar. Tem que ver com a assessoria - explicou, também negando que, na quinta, tenha adotado um discurso conformista: - Quem é que disse que está tudo bem? Pode estar tudo bem depois de uma derrota como a de ontem?
Enquanto falava, Souto de Moura foi questionado se o Inter estaria em "crise". A pergunta gerou revolta entre um grupo de torcedores curiosos que assistiam a entrevista.
- Não tem crise no Beira-Rio, vocês estão inventando! - esbravejou um colorado.
dunga inter internacional desembarque chegada aeroporto porto alegre (Foto: Diego Guichard/Globoesporte.com)Dunga passou primeiro e não falou no aeroporto (Foto: Diego Guichard/Globoesporte.com)
O técnico Dunga havia sido o primeiro a passar pelo saguão. Com semblante sério, caminhou  até a saída, sem ser abordado.
Os jogadores que não estavam relacionados para o confronto em Salvador treinaram na manhã desta sexta, no CT do Parque Gigante.  D’Alessandro, Diego Forlán e Scocco trabalharam com bola e surgem como alternativas. As dúvidas ainda recaem sobre o camisa 10 e o uruguaio, que passarão por testes no sábado.
O Inter volta aos treinos na tarde de sábado, no CT Parque Gigante. No domingo, às 16h, recebe a Portuguesa, pela 23ª rodada do Brasileiro, no Estádio do Vale. É o quinto lugar, com 34 pontos, a quatro de Atlético-PR e Grêmio.

Nenhum comentário: