domingo, 2 de setembro de 2012


02/09/2012 19h41 - Atualizado em 02/09/2012 19h46

Vitória da vibração: Fernandão define goleada do Inter como 'excepcional'

Após 4 a 1 sobre Flamengo, treinador se diz acostumado com críticas e elogia em especial D`Alessandro, Forlán e Leandro Damião

Por Hector WerlangPorto Alegre
Comente agora
Fernandão internacional flamengo (Foto: Valdir Friolin / Agência Estado)Fernandão vibra com resultado colorado
(Foto: Valdir Friolin / Agência Estado)
Vibrar, no futebol, não pode se restringir a marcação de um gol. Ou a defesa do goleiro. É essencial em cada lance. Um drible, um desarme, um posicionamento correto. Tudo é passível de vibração, na avaliação de Fernandão. E foi por isso que o Internacional venceu e goleou o Flamengo, neste domingo, e espantou a má fase no Brasileirão, resultado de quatro partidas sem ganhar. Uma atuação excepcional:
- Primeiramente, o nosso time passou a vibrar. Isso faz com que todos fiquem atentos e joguem juntos. O time começou melhor, mais bem encaixado e criando oportunidades. Vem a confiança e tomamos o gol daquela maneira. O time sentiu. Teve indignação e buscou o resultado. D’Ale segura o jogo e dá ritmo na hora certa. Ele é único no elenco. Damião briga lá na frente e o Forlán voltou a ser o que era. O gol lhe deu confiança. Parabéns ao grupo pela indignação e, claro, vibração. Foi excepcional!
Fernandão também comentou a semana tumultuada com protestos da torcida na sexta-feira. Para ele, o grupo soube lidar com a situação. E quanto as críticas ao seu tabalho?
- Sou um treinador jovem, começando na função. Se pegar os últimos jogos, com derrotas e no Gre-Nal, é ruim, é péssimo. Se fosse um outro, experiente, ele estaria falando em projeto. Mas eu, sendo novo, não tenho chance de erro. É mínima. Fui corajoso ao aceitar assumir. Passei 20 anos fazendo gol e sendo elogiado e errando gol e sendo criticado. Estou acostumado. Saberia que seria assim na primeira rodada.
O Inter volta a treinar na tarde desta segunda-feira. Perdeu Fred (suspenso) e Forlán, Leandro Damião e Guiñazu convocados às suas seleções para as Eliminatórias da Copa do Mundo de 2014. Na quarta-feira, às 22h, no Morumbi, desafia o São Paulo.

Nenhum comentário: